Barril de pólvora

Uma mega indústria de loucos

Os EUA são uma sociedade completamente decadente e doentia. Esta situação, inevitavelmente, molda o comportamento da população, induzindo-a a atos de barbárie social

No dia 24 de maio, na cidade de Uvalde, estado do Texas (EUA), na escola Robb Elementary, um atirador descarregou sua arma deixando 21 mortos, sendo 19 crianças e 2 adultos, e mais 10 pessoas feridas. Entre as centenas de casos semelhantes na história dos EUA, esse foi caracterizado pela imprensa do país como um dos mais violentos dos últimos anos, comparado ao ocorrido em 2012, na escola Sandy Hook, em Newtown, Connecticut, quando foram assassinadas 26 pessoas.

Enquanto falamos aqui deste “último” massacre, outro poderia já ter ocorrido no país, já que, de acordo com um relatório de jornalistas que participaram da Education Week, houve 27 tiroteios em escolas nos EUA apenas no ano de 2022. Isto é, a cada cinco dias mais ou menos ocorrem atentados em escolas nos EUA. Esses números não são reflexo de alguma causa específica, pois já são 119 massacres, como esse último, desde 2018, quando a imprensa começou a rastrear massacres dessa natureza.

Os Estados Unidos são um país onde encontramos aquilo que podemos chamar de “capitalismo puro”, ou seja, em seu estágio mais avançado. No entanto, o aprofundamento e a agudização da crise histórica desse sistema, que nesse momento se reflete na degradação e no rebaixamento das condições gerais de vida da população, colocaram uma espada na cabeça de toda a sociedade, atingindo quase que indistintamente todos os segmentos sociais, incluindo aí os setores de classe média da sociedade norte-americana. Nos dias de hoje, como reflexo de todo um período anterior de crise, particularmente nos anos sessenta e setenta do século passado, a crise econômica estava anunciada com a desigualdade, o desemprego, a fome e a pobreza latentes na sociedade norte-americana, fenômeno marcante nos dias atuais.

A propaganda capitalista não se destina apenas à venda de produtos, mas também para que as pessoas adotem o estilo de vida da sociedade burguesa, de consumo, que se fundamenta na ideia de que a vida só faz sentido quando se enriquece, quando se tem dinheiro, quando há consumo aos montes, sem limites.

O que está claro nesses e em outros acontecimentos macabros nos EUA é que o país é um enorme barril de pólvora prestes a explodir. Os EUA têm a maior população carcerária do planeta. O país registrou também o maior número de mortos na pandemia, com mais de 1 milhão de óbitos. Nas ruas das grandes cidades, há mais de 6 milhões de pessoas sem moradia. Soma-se a isso as guerras nas quais os EUA se envolvem ao redor do mundo, sempre com perdas de vidas, o que também é um fator de enorme pressão psicológica sobre toda a sociedade, com reflexos no comportamento social da população. 

Enfim, os EUA são – já há algum tempo – uma sociedade completamente decadente, enferma, doentia e paranóica. Esta situação, inevitavelmente, molda o comportamento da população, induzindo-a a atos de barbárie social, como os inúmeros casos de massacres ocorridos amiúde no país.

Central de Vendas

Entre em contato pelo WhatsApp  11 99867-9315 ou pelo E-mail jcoadm29@gmail.com

Precisa de ajuda?

Em caso de dúvidas, ou se quiser recuperar seu “Usuário”, envie mensagem para 11 99867-9315 ou pelo E-mail jcoadm29@gmail.com

Faça já sua assinatura digital de Causa Operária:
  • Assinatura Mensal Digital Completa (por quatro semanas) por R$ 11,99 um único mês, você pode optar pela renovação automática, descontando R$ 11,99 todo mês da sua conta.
  • Assinatura Semestral Digital Completa (por vinte e quatro semanas) por R$ 64,99 pagamento único.
  • Assinatura Anual Digital Completa (por quarenta e oito semanas) por R$ 99,99 pagamento único.

Menu Principal

Ajuda, Dúvidas e Televendas