Seremos roubados

O jogo de damas e a urna eletrônica

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Juliano Lopes

Meu tio costumava passar a perna no meu avô quando eles jogavam dama, aos domingos, após uma corrida de fórmula 1 e antes de algum jogo de futebol. Era uma rotina. Eu, mesmo muito novo, manjava os truques do meu tio. 

Eu ficava olhando de longe, quando menos se esperava, meu tio mudava uma peça que, finalmente, mudava o jogo todo. Ele fazia isso ao tirar a atenção do meu avô para algo paralelo, que acontecia nas proximidades ou na televisão. Meu avô, às vezes, percebia que tinha sido roubado, e o pau quebrava, mas muitas vezes ele não via. Eu sempre via e sorria calado.

Junto de meu irmão, eu soprava, ao pé do ouvido “ele vai roubar agora… você quer ver?”. Meu avô, certas vezes, falava: não jogo pois você (meu tio) irá roubar. Mas ele sempre, sempre, sempre jogava. Os dois eram bons nesse esporte.

Os dois votaram na época dos votos impressos, acho que não chegaram a conhecer o meio eletrônico. Creio que tenham sido mesários ou feito aquelas apurações em grandes ginásios, como o Nilson Nelson, em Brasília (DF), ou mesmo no estádio Mané Garrincha. Contando voto a voto.

O roubo era fácil de perceber no jogo de damas, pois qualquer pessoa podia apurar o jogo, acompanhar e ver se tinha fraude. No voto impresso o sistema parecia o mesmo, era mais difícil a fraude e muita gente e estados nacionais ainda adotam esse sistema pelo fato de ser um sistema que qualquer pessoa pode auditar, feito jogo de damas. Qualquer civil sem nenhuma qualidade ou conhecimento técnico especial pode fiscalizar. Feito eu nos memoráveis jogos de damas entre meu tio e meu avô. 

É um argumento razoável e me chama atenção que a esquerda e mesmo os de espírito minimamente democrático não se atenham a tal fato.

Vejam vocês alguns trechos da resolução que trata da fiscalização do voto eletrônico. Separei só alguns, para não acabar com a leitura de vocês:

“Para isso, são utilizadas operações matemáticas com algoritmos de criptografia assimétrica que atestam sua origem. A criptografia assimétrica faz uso de pares de chaves”

(…) 

“Receptor de Arquivos de Urna (RecArquivos): sistema responsável por receber os pacotes gerados pelo Transportador de Arquivos e colocá-los à disposição para serem consumidos pelo Sistema de Gerenciamento da Totalização”

(…) 

“Bibliotecas-padrão e especiais: bibliotecas-padrão das linguagens C e C++, bibliotecas de código aberto, utilizadas para criptografia e interface gráfica, entre outras funcionalidades”;

(…)

“HotSwapFlash (HSF): serviço utilizado pelo Sistema Gerenciador de Dados, Aplicativos e Interface com a Urna Eletrônica (GEDAI-UE) para particionamento, formatação, leitura e escrita das mídias da urna”;

(…)

“Os arquivos referentes aos programas-fonte, programas executáveis, arquivos fixos dos sistemas, arquivos de assinatura digital, chaves públicas e resumos digitais dos sistemas eleitorais e dos programas de assinatura digital e verificação apresentados pelas entidades e instituições serão gravados em mídias não regraváveis”.

É de se destacar que isso tudo acima é parte de uma resolução, ou seja, não é uma lei. Resolução é um documento que o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) aprova sem passar pelo Congresso Nacional, e tem força de lei. Mais anti-democrático que isso, impossível.

Nem meu tio, nem meu avô e eu ainda menos seria capaz de decifrar que raios eles querem dizer com essas palavras todas da resolução que trata da fiscalização da virginal urna eletrônica. Mas uma coisa, com certeza, nós três teríamos acordo: seremos roubados.

Central de Vendas

Entre em contato pelo WhatsApp  11 99867-9315 ou pelo E-mail jcoadm29@gmail.com

Precisa de ajuda?

Em caso de dúvidas, ou se quiser recuperar seu “Usuário”, envie mensagem para 11 99867-9315 ou pelo E-mail jcoadm29@gmail.com

Faça já sua assinatura digital de Causa Operária:
  • Assinatura Mensal Digital Completa (por quatro semanas) por R$ 11,99 um único mês, você pode optar pela renovação automática, descontando R$ 11,99 todo mês da sua conta.
  • Assinatura Semestral Digital Completa (por vinte e quatro semanas) por R$ 64,99 pagamento único.
  • Assinatura Anual Digital Completa (por quarenta e oito semanas) por R$ 99,99 pagamento único.

Menu Principal

Ajuda, Dúvidas e Televendas